18º Dia: Querem viver? Subam aí!

2

1 de dezembro de 2014 por bossolon

Campinas. Dia 30/11/2014

Caro diário. Como eu havia combinado a fuga com Xico, saimos pela madrugada. Com a chave que eu havia roubado, libertamos Xico e Alan. Saimos nós cinco, Eu, Alan, Felipe, Antonio e Xico, por trás da propriedade em silencio e sem luz alguma, para não alertar ninguém.

Seguimos pelo meio do mato e, só quando estavamos distantes o suficiente, ligamos as lanternas. Percorremos a mata até sairmos na estrada novamente. Os carros próximos estavam sem gasolina alguma, pois o grupo de Derek havia tirado tudo. Então tivemos que seguir a pé alguns quilômetros. Chegamos ao pé de um morro (não o mesmo de Antonio, mas bem distante). Subimos cautelosamente tomando cuidado com os animais ali naquela região. Ja na metade do caminho ouvimos um barulho no meio da mata ao redor.

_ Olha só! É o Xico! _ Uma voz jovem, aparentando de um garoto surgiu da escuridão.

Então, do meio da mesma escuridão surgiu um garoto por volta dos 16 anos com uma metralhadora nas mãos e outros homens apontando as armas pra nós.

_ Quem são esses aí com você, Xico? _ Disse um home negro e grande segurando uma outra arma.

_ São amigos! Me ajudaram a chegar aqui!

_ Ei! Eu conheço você! _ Disse um outro rapaz mulato quando olhou pra Alan. _ Você fugiu com a gente.

_ Depois eu explico tudo pessoal, mas agora vamos indo. _ Disse Xico.

Subimos um morro até um pequeno sítio perto do topo. Haviam muitas pessoas la. Cerca de 30, pelas minhas contas. Muitos estavam dormindo no chão. Outros pareciam estar bebendo.

_ Sabe onde estão o pessoal que pegamos esses dias, Carlinhos _ Disse Xico ao menino

_ Tão tudo dormindo la atrás. Cara… Aquela ruiva é gostosa! Todo mundo tá querendo!

_ Acontece que eles são meus amigos _ Adiantei _ E nós viemos aqui pra levar eles em bora

_ Levar pra onde, Playboi! Ninguém sai daqui assim não. _ Disse o grandão olhando pra mim com furia.

_ Ta tudo bem, Leleu. Eu já falei que eles estão comigo! Levm eles com os amigos deles.

Carlinhos nos levou até os outros, que já estavam dormindo. Estavam sendo vigiados por uns 4 caras. Não pude deixar de notar que eles olhavma muito pras mulheres. Quando nos aproximamos Victor levantou depresa. Os 4 homens se colocaram na frente deles

_ Ta tudo bem, disse o garoto conosco. _ Esses caras aqui são amigos dele. O Xico disse pra traze-los. Eles querem conversar com os amigos.

Os homens mandaram que todos se levantem. Assim que nos viu, Miguel correu ao nosso encontro. Em seguida veio Fabricia que nos recebeu com um abraço. E logo atrás estava Victor, que pude vê-lo por sobre os ombros de Fabricia.

_ Estavamos com medo de terem morrido _ Disse Fabricia enquanto me abraçava.

_ Eu também pensava o mesmo de vocês! _ Disse enquanto a soltava e me virava para os outros. _ Estão todos bem?

_ Eles tiraram nossas armas. Até que nos tratam bem. Mas não gosto do jeito que olham pras mulheres. _ Disse Victor.

_ Tem outras mulheres no acampamento _ Falou Mateus. _ Mas acho que são todas mulheres de malandros, sabe…

_ A gente vai sair daqui agora. Temos um lugar seguro… _ Falei.

_ Pois é, rapaz.. quanto a isso _ Disse Xico bem atrás de mim.

_Você disse que se eu ajudasse você…

_ Eu sei.. .só que… como posso ter certeza que vocês não vão direto pros zome contar onde a gente tá?

_ Não não vamos! Verdade! _ Disse o pastor.

Xico nos olhava de um para o outro. Parecia estar julgando se devia confiar na gente ou não

_ Muito bem… _ Começou falando, mas sua frase foi cortada no meio ao ouvirmos sons de tiros.

_ Loça! Loça! _ Gritavam alguns homens distantes e, num segundo todos ali estavam em pé e pegando em armas.

_ Vocês atrairam os caras pra ca! Combinaram com eles, né! _ Xico agora estava selvagem e colocava a faca em meu pescoço

_ Não! Eu juro! Eu não sei como eles vieram aqui!

Poucos segundos depois alguns veiculos invadiram o acampamento atirando pra todo lado. Aproveitei a distração de Xico pra golpeá-lo e corrermos.

Corremos pelo acampamento tentando nos proteger o máximo possível! Os outros vinham atrás de mim. Corremos por trás da casa Mas alguns homens se puseram a nossa frente apontando suas armas. Quando achei que iria morrer alguns tiros acertaram os homens e um caminhão de carroceria aberta parou à nossa frente

_ Querem viver? Subma aí! _ Disse Pink da carroceria do caminhão

_ Subam! Vamos!

Victor e Mateus pegaram as armas dos homens caidos e subimos no caminhão.

_Atirem! Não precisam acertar! Mas atirem! _ Ordenou Tonny que estava conosco.

Atiramos sem saber pra onde atirávamos a medida que Jim, dirigindo o caminhão dava a volta e descia o morro. Enquanto davamos a volta, pude ver Xico olhando pra nós do chão. Parecia nervoso.

Saimos de lá e fomos diretamente para a propriedade de Derek e Tonny.

_ Derek checou a mesa dele e viu que você roubou a chave! _ Explicou Pink_ Fizemos a ronda em silencio e vimos quando vocês sairam para a estrada! Aí seguimos vocês!

Quando chegamos na propriedade que vi que além do caminhão tinham mais três carros. Derek saltou de um deles e veio em nossa direção.

_ Acho que te devo desculpas e um obrigado _ Falei quando ele se aproximou.

A resposta veio com um punho direto em meu rosto que me fez desmontar ao chão.

_Espero que tenha resgatado todos os seus amiguinhos, seu moleque! Porque você entregou nossa localização pra eles de mão beijada! Levem eles pros quartos!

Passamos o dia preso. Todos estavam apreensivos de que Xico contra-atacassem, mas Jim, quando veio nos entregar comida, nos disse que fizeram um bom estrago por la. Mesmo assim estavam de guarda.

Dormi a tarde toda, pois não havia dormido nada desde ontem. Acordei por volta das 18:00. Comemos e conversamos sobre como sairiamos dessa. De qualquer modo, estou feliz que todos estejam vivos e bem. Camila ainda está meio calada. Mas ela tem passado por muitas coisas. Pela primeira vez estamos dormindo todos no mesmo quarto, apesar de estarmos todos no chão.

Fim do dia 18:

Grupo

Policiais

Foragidos

Pr. Felipe (40)

Derek (28)

Xico (31)

Antonio (61)

Tonny (26)

Leleu (27)

Alan (35)

Pinck (19)

Carlinhos (15)

Camila (21)

Jim (23)

Mateus (20)

Nolan (29)

Fabricia (32)

Josh (21)

Miguel (7)

Raquel (24)

Victor (21)

Laiza (25)

Gabriel (24)

Mais 7 pessoas

Inventário

result

Anúncios

2 pensamentos sobre “18º Dia: Querem viver? Subam aí!

  1. Juliano disse:

    Cara, ta muito da hoora xDD

    Curtido por 1 pessoa

  2. thebossolon disse:

    Valeu cara! tenho gostado muito de escrever! Esses comentarios me animam, pois mostram que mais gente tem gostado do meu trabalho 🙂

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: