22º Dia: Todos perdemos alguém importante nisso tudo.

Deixe um comentário

4 de dezembro de 2014 por bossolon

Campinas. Dia 04/12/2014

Caro diário. Amanheci com os sons dos zumbis do lado de fora da casa. Olhei para o lado e vi que Fabricia e Miguel ainda estavam dormindo. Pela primeira vez acordei antes de Fabricia (ela geralmente acorda bem cedo). Deve ser porque a noite foi horrivelmente desconfortante. É difícil dormir sossegado quando tem um zumbi batendo nas portas ou nas janelas uma hora ou outra.

_Que horas são? _ Perguntei sem olhar em volta quem estava acordado.

_ 6:30 _ Respondeu a voz de Nolan a alguns metros. Olhei e vi que ele espionava pela cortina _ O numero deles diminuiu bastante, mas ainda tem muitos. Talvez até o fim da tarde a gente possa sair e acabar com eles.

Fui até a janela para espiar também. Haviam cerca de 60 ou 70 zumbis, mas pela propriedade ser grande e os zumbis estarem espalhados dava a impressão que não eram muitos. Cogitei a possibilidade de sairmos e matarmos eles aos poucos, mas Nolan avisou que seria muito cansativo.  E se todos vierem pra cima de uma vez não teríamos chance.

Derek entrou na sala carregando uma tigela de cereal. Isso me lembrou que eu estava com fome também. Então fui à cozinha pra pegar algo pra comer. Raquel, que, a julgar pelas olheiras, nem havia dormido também, me ofereceu uma tigela de cereal também. Por não poder cozinhar, não tinha muito pão caseiro fresco. Teríamos que comer apenas cereais e frutas no café. Quem gostou da ideia foi Miguel que parece ter sido o único que acordou de bom humor.

Tentei oferecer uma tigela para Camila, mas ela recusou completamente. No lugar dela quem comeu foi Gabriel, que se não entregássemos poderia começar algum escândalo também. Victor se empenhava para mantê-lo calmo. Talvez por causa da síndrome ou não, Gabriel tem mania de, as vezes começar a gritar e fazer escândalos, principalmente quando está de mal humor. E, bem… qualquer um que tenha dormido tão mal quanto eu estaria de mal humor.

As coisas ficaram ainda pior quando Raquel veio nos dizer que a água estava acabando. Aparentemente perdemos mais um serviço. Sem água seria difícil sobreviver. Uma sorte é que a propriedade possui um poço.Mas o poço ficava do lado de fora da casa. Ainda tínhamos água suficiente pra alguns dias dentro da casa. E esperamos que os zumbis vão em bora ainda hoje.

Tudo estaria bem calmo se, por volta das 9:00 um barulho de algo metálico caindo ao chão não tivesse vindo da garagem onde Josh e Ronaldo estavam. Os zumbis ouviram de imediato e começaram a se amontoar em volta da garagem.

_ Droga Josh! O que ta acontecendo? _ Dizia Derek pra si mesmo observando o ocorrido

_ Se continuar assim a garagem não vai aguentar! _ Observou Tonny _ Temos que criar uma distração pra manter os Zumbis longe dali!

_ Que tipo de distração? Qualquer coisa que façamos e eles vem atrás da gente também! _ Dizia Mateus

_ A gente pode jogar um nerd la fora como isca! Quão rápido você corre? _ disse Derek em tom de ameaça

_ Qual é Derek! Deixa o cara! _ Protegeu-o Nolan_ Estamos todos preocupados aqui.

_ Tem um dos meus la fora que pode morrer assim que aqueles zumbis entrarem na garagem! _ Disse Derek impaciente _ Eu prefiro muito mais sacrificar um deles pra manter um dos meus vivos!

_ Se quer tanto assim manter ele vivo vai la fora e se sacrifica você! _ Disse Antonio.

_ Não abuse da sorte velho!

_Gente! _ Disse Fabrícia de repente _ Cade a Camila?

Logo em seguida ouvimos a porta se abrir. Olhamos pela janela e eis que Camila estava saindo andando pela propriedade como se não se importasse. Bastou algum tempo para um dos zumbis perceberem a garota. Logo em seguida um outro percebeu. Depois, outro curioso ao ver os outros zumbis se distanciarem olhou e a viu também. Em pouco tempo todos os zumbis da garagem estavam indo um em um em direção à Camila.

Sai correndo pra impedi-la. Os outros tentaram me segurar e me chamar, mas ignorei e continuei em direção à Camila. Atravessei a porta e corri com toda velocidade. Alcance-a quando alguns zumbis já estravam próximos.

_ Me deixa morrer! Me deixa morrer! _Gritava Camila entre lágrimas tentando se soltar, enquanto eu a agarrava com todas as forças. _ Me deixa morrer! Eu não aguento mais isso!

Enquanto ela tentava se soltar eu tentava puxá-la pra trás, pra longe dos zumbis. Mas outros zumbis começaram a aparecer. Se continuasse nós dois estaríamos cercados. Camila tentava se soltar mesmo do chão, mas eu ainda me agarrava a ela. Um dos zumbis já tinha se aproximado de nós e estava se agachando pra nos morder. Quando um facão atravessou o cérebro dele. Derek, Tony e os outros estavam a nossa volta atacando os zumbis.

Por distração minha Camila conseguiu se soltar e começou a ir na direção dos zumbis novamente. Mas Derek a pegou impaciente e a carregou nos ombros. Nolan ofereceu a mão para me ajudar a levantar. Voltamos todos para a casa. Entramos e fechamos a porta. Nolan e os outros começaram a mover os móveis pra fazer uma barricada. Derek jogou Camila no chão que chorava e esperneava pedindo pra deixarem ela morrer.

_ Escuta aqui garota! Se você quiser morrer, eu não ligo! Mas não vem com esse drama de menininha desamparada! _Gritava Derek frente a frente com Camila. _ Não sai por aí atraindo zumbis pra gente só porque você é fraca e perdeu as esperanças!

_ Você não sabe o que aconteceu, Derek _ Dentei defender Camila _ Ela perdeu o noivo no dia do casamento!

_ Ah é? _ Disse Derek com indiferença_ Por isso que r tanto morrer? Olha para aquele cara ali! _Dizia enquanto apontava pra Alan _ ele foi atrás da filha dele! E ela tava morta! Olha aquele outro! _ Apontava pra Tonny _ Ele teve que matar o pai que tinha sido mordido! E aquele ali! _ Apontava para Nolan _ seus pais morreram na frente dele pra que ele viva! E o Jim! Sabe o que houve com ele? Ele viu sua irmã acordando como zumbi bem do lado dele! Na semana passada! E Raquel que também perdeu o pai na semana passada e o único parente dela ta trancado la na garagem! Mas você vê eles chorando e pensando em morrer? Não! Porque ninguém aqui faz esses draminhas!

Derek andou de um lado pro outro impaciente enquanto falava do passado de cada um. Parecia bem impaciente. Por fim ele se abaixou na frente de Camila. E levantou a mão. Por um momento achei que ele iria bater nela e pensei em segurar a mão dele, mas Tonny me segurou e disse pra não ir. Derek parou com a mão na frente de Camila e pude ver  uma aliança dourada na sua mão que tremia consideravelmente.

_ Eu podia ter salvo minha mulher e meu filho de um ano se eu tivesse ficado ao lado deles o tempo todo. _Disse calmamente_ Mas ao invés disso me mandaram perseguir uns criminosos fugitivos! Três dias depois meu vizinho Josh me encontrou e disse que nossas casas haviam sido invadidas. Eu mesmo fui la e vi os restos dos corpos dos dois. Todos temos perdas! Todos perdemos alguém importante nisso tudo. O Sofrimento vem pra todos! Ser fraco é opcional!

Derek se levantou, deixando Camila em seu silencio e soluços. Alias, todos estávamos em silencio. Mas antes que pudéssemos sequer abrir a boca Derek tomou a liderança como antes.

_ Peguem todo tipo de armas brancas! Marretas,  facões, tudo! Vamos acabar com esses desgraçados!

_ Sabe onde ta meu arco e flecha? _ Perguntou Antonio

_ No segundo andar! _ Disse Derek entregando-lhe uma chave

Em alguns minutos saiamos pela porta dos fundos, todos exceto Camila, Miguel, Raquel, Gabriel e Felipe, que ficou pra amparar Camila. Fomos até a parte da frente onde Derek chamou a atenção dos zumbis com seu assovio. Eles começaram a vir em nossa direção. Antoio abatia os corredores com seu arco e os que estavam mais aglomerados. Nós recebíamos os demais com machadadas, facadas, marretadas.

Nolan usava um taco de Basebol com pregos. A maior parte de nós usávamos facões. Jim optou por um machado. Não parávamos nem por um minuto. É difícil narrar tudo que acontecia a nossa volta. Não tinhamos tempo pra observar. Apenas destruir cabeças de zumbis. Um dos homens de Derek que eu mal conheço, um careca negro aparentando 40 anos havia sido mordido no pulso e gritava. Pink, que estava próxima dele, havia acabado de enfiar o facão no cérebro de um zumbi. Limpou a arma e, sem hesitar cortou fora o braço do homem. O homem ficou ali segurando o braço, até que Derek o mandou voltar pra dentro da casa.

Mas havia mais que esperávamos. Íamos recuando para o meio do gramado conforme eles se aproximavam. Mesmo assim, muitos saiam a nossa volta. Como não estava pronta a vala, deixamos uma rampa pra sairmos com o carrinho de mão. Alguns zumbis que caíram na vala saiam de dentro dela agora. Eu estava achando que seria difícil escapar dali.

Foi quando as portas da garagem se abriu e Josh e Ronaldo saíram de dentro dirigindo um Crossfox que, pelo que deu pra perceber, haviam modificado a frente, colocando uma chapa de metal com arame farpado formando uma espécie de seta. Eles saíram atropelando todos os zumbis a nossa volta. Aquilo foi um excelente carmagedon. Isso nos ajudou a contra-atacar.

Em alguns minutos estávamos matando os últimos zumbis mais lentos que apareciam na propriedade. Estávamos bem cansados. Fabricia, que me surpreendeu vê-la entrando em ação, estava tão cansada que se sentou no gramado respirando fundo.

_ Você ta bem? _ Perguntei ao me aproximar com uma garrafa de água que Raquel pegou de dentro da casa.

_ Não to tão acostumada a matar essas coisas quanto você. _ Deu uns grandes goles na água e me devolveu_ Eu achei que íamos morrer ali…. tava preocupada com Miguel… _ disse se levantando.

_ Pois é… Mas eu não poderia deixar você morrer. Eu não deixaria ninguém morrer.

_ Eu sei _ Disse me abraçando antes de voltar pra casa ao lado de seu filho.

A observei ir pra casa por um tempo, mas depois continuei a levar água para os outros, depois de ver que Nolan e Jim me olhavam com sorrisinhos e cochichavam entre si. Derek perdeu mais três pessoas de seu grupo durante a investida. O homem que perdera o braço parecia estar bem. Suzi fez um curativo e estancou o sangramento. Seu nome é Michael, aliás. Não sei se é seu nome verdadeiro ou se é adotou esse nome como os outros em homenagem ao cantor pop.

Mais tarde, contudo, descobri que Jim o chamou assim porque quando o encontraram ele estava tão assustado que Jim disse que “o negão tinha ficado até branco”. Aí eles passaram a chamá-lo de Michael. Realmente Jim não perde uma piada.

Passamos a tarde recolhendo corpos, colocando-os no caminhão de carroceria aberta e jogando-os em algum lugar perto da propriedade. Foi ideia do Mateus. Inicialmente ele queria jogar em volta da propriedade. Assim os zumbis mortos iriam “camuflar” nosso odor e nossa atividade. Mas todos reclamaram de ter defuntos ali perto. Então os levamos para um pouco mais longe.

Essa noite, diferente da noite de ontem poderemos dormir mais tranquilamente. Camila não aprece mais querer se matar. E voltou a comer. Mas ainda está muito calada. Conseguimos mais confiança de Derek. Não sei se foi por trabalharmos juntos hoje ou por ele ter perdido algumas pessoas e precisar mais de nós. Mas podemos dormir sem que tranquem a porta. Até nos deram liberdade para carregar algumas armas brancas, como facões e bastões, ou, no caso de Antonio, um arco e flecha. E Mateus recuperou sua espada. Eles só mantem olhos em cima de Alan que, teoricamente, ainda é um criminoso. Por isso não tem arma. Mas o próprio Derek entende que Alan não é como o pessoal do Xico.

Fim do dia 22

Grupo Policiais Foragidos
Pr. Felipe (40) Derek (28) Xico (31)
Antonio (61) Tonny (26) Leleu (27)
Alan (35) Pink (19) Carlinhos (15)
Camila (21) Jim (23)
Mateus (20) Nolan (29)
Fabricia (32) Josh (21)
Miguel (7) Raquel (24)
Victor (21) Laiza (25)
Gabriel (24) Ronaldo (26)
Michael (43)
Mais 2 pessoas

Inventário:

result

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: