89º Dia: Eu odeio animais.

Deixe um comentário

11 de fevereiro de 2015 por bossolon

Campinas. Dia 10/02/2015

Caro diário. Tive pesadelos essa madrugada. Talvez porque uma forte chuva caiu a noite toda. As trovoadas e o barulho do vento me acordava diversas vezes.

Aparentemente eu não era o único assustado com a chuva, Miguel acordou durante a madrugada assustado também. Fiz companhia para o garoto até que ele dormisse. Depois tentei dormir, mas meu sono não durou muito.

Levantei da cama depois que os primeiros raios de sol entraram pela cortina da janela. Ia passar pelo quarto ao lado para conversar com Lúcia, mas antes de chegar na porta ouvi a garota conversando com Victor.

_ Obrigada pela água _Disse Lucia com sua voz fraca _Ultimamente tenho me sentido com bastante sede sabe.

_Não há de que _Respondeu Victor de forma seca como sempre.

_Ta se sentindo melhor? _Perguntou a garota sem rodeios _Digo sentimentalmente falando.

_Um pouco _Respondeu o bad boy depois de um tempo de silêncio.

_Acho que você poderia voltar a se misturar com o pessoa. _Sugeriu Lúcia _Eles são seus amigos, não são?

_Não sei se vão me querer por perto depois do que fiz nos últimos dias.

_Bobagem! Você estava passando por um momento difícil.  Acho que eles vão entender….

Resolvi deixar Lucia fazer sua magia de convencer os outros com seu jeitinho e fui para a cozinha. Raquel e Alan estavam acabando de retirar o pão do forno. Para minha sorte, porque quando não se tem manteiga para passar no pão, pão quente é a melhor coisa.

Raquel aparentemente ainda anda tendo pesadelos também. Ela confessou que essa noite foi difícil para ela dormir. Depois que ela foi para a cozinha Alan e eu ficamos a sós. Ele aproveitou a oportunidade para me pedir ajuda. Alan não conseguia ajudar Raquel com seus pesadelos. Bem… eu não pude ser de muita ajuda, até porque eu não consigo ajudar nem eu mesmo com meus pesadelos…

Pela manhã nos reunimos para traçar planos para capturar alguns animais. Antonio e Osvaldo ficaram no hospital armando armadilhas para apanhar roedores e aves. Eu não conseguiria comer rato, mas uma ave até que pode ser suculenta a essa altura do campeonato. Eu fiquei no grupo que foi atrás dos animais. Victor foi conosco, seguindo os conselhos de Lúcia. Mas infelizmente, Derek e Thonny também foram. Camila ficou no hospital treinando e Pink e Jim ajudando com a água e de vigias.

E lá fomos nós, os quatro homens com um caminhão com compartimento fechado que pegamos na avenida e enchemos o tanque para as regiões mais rurais da região atrás de alguns animais que encontrarmos. No começo foi bem desanimador. Vários animais que achávamos já estavam mortos ou comidos por zumbis. Encontramos uma fazenda com uns 3 porcos e pouco mais a frente 2 vacas e um boi.

Foi bem trabalhosos (e sujo) tentar leva-los para o caminhão e mantê-los trancados. Em um momento, Derek encontrou uma cadela e resolveu leva-la também.

_Você não ta pensando em comer ela, não é? _Perguntei com nojo

_Por enquanto não _Respondeu Derek _Mas se um dia a fome bater… os filhotes dela podem ser uteis. Só precisamos ter a sorte de encontrar um cachorro por aqui.

Aquela idéia parecia nojenta para mim, e pela expressão de Victor também parecia para ele. Passamos por um pesqueiro e até pensamos em levar peixes e encher um pequeno lago artificial no hospital. Mas como iria dar trabalho, ignoramos. Para a felicidade de Derek encontramos mais um cachorro. Também encontramos duas ovelhas e um cavalo. Não pretendíamos comer um cavalo, mas achamos que poderia ser útil.

Dário seguiu no cavalo enquanto Derek dirigia o caminhão e Thonny no passageiro. Eu infelizmente fiquei na parte de trás tentando acalmar os animais. O cheiro era horrível e o lugar apertado. O caminho de volta para o hospital pareceu uma eternidade.

Como anda não tínhamos um lugar para deixar os animais, tivemos que deixa-los soltos dentro do muro, mas fora do hospital. Por sorte, quando fomos atrás de equipamentos ontem, havíamos pego alguma comida para os bichos. Mas depois teremos que pegar mais.

A chuva caiu a tarde toda. O que é bom, porque pudemos usar parte da água excedente dos barris para tomar banhos. Apesar do fato de que banho com água da chuva não é tão bom quanto banho com água encanada, tomar um banho foi refrescante e necessário. Sem contar que eu fiquei dentro da caçamba fechada de um caminhão junto com alguns bichos bem fedorentos.

À noite nos reunimos no quarto 104 para conversar como sempre. Victor se juntou a nós, apesar de ainda ser meio reservado. Fabricia, que estava sentada próxima a mim me pediu uma massagem em determinado momento. Mesmo sendo eu que precisasse de massagem, por ter ficado atrás de animais e dividido viagem com eles, acatei o pedido de Fabricia.

A chuva se estendeu por toda a noite. Mateus espera que esteja começando uma temporada de chuvas, o que seria bom para a horta e para a reserva de água. Comentei com ele sobre o viveiro de peixes e ele pensa em fazer um lago artificial amanhã e deixa-lo encher com água da chuva.

Enfim descobri algo que gostei menos do que cuidar da água… cuidar de animais. Alias. Duvido que eu vá dormir bem com eles fazendo barulho nas janelas. Hoje em especial eu odeio animais.

Fim do dia 89

103 104 105 Resto do hospital
Derek (28) Lucia (17) Dario (23) Catarina (29)
Tonny (26) Victor (21) Mateus (20) Osvaldo (51)
Antonio (61) Jim (23) Camila (21) Beatriz (21)
Pr. Felipe (40) Pink (19) Fabricia (32) Vanise (65)
Raquel (24) Miguel (7) Selmo (67)
Alan (35)

Isso aew pessoal! Dessa vez consegui postar no horario sahsaushauhsa

O capitulo foi meio fraquinho em relação aos anteriores (que tenho trabalhado mais nos personagens). Esse foi mais voltado ao desenvolvimento da comunidade.

Até o próximo capitulo! o/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: